Notícias

Fique por dentro das novidades da Ritmo Logística e do mercado.

  • 9 jan

    IPVA com desconto começou a vencer hoje em São Paulo; confira o calendário

    Para os veículos com placa de final 1, termina nesta sexta-feira (9) o prazo para pagar a primeira parcela ou o valor integral com desconto (de 3%). Segundo especialistas em finanças pessoais, a opção de pagar parceladamente ou com desconto depende da situação financeira de cada proprietário. Se optar por parcelar em três vezes, o proprietário deve pagar a primeira parcela até hoje, a segunda até 11 de fevereiro, e a terceira até 11 de março. (mais…) | LEIA MAIS

  • 8 jan

    Queda do petróleo pressiona ainda mais setor de etanol, diz Fitch

    A Fitch avalia que a queda dos preços internacionais do petróleo traz ainda mais pressão para o setor sucroenergético brasileiro, em dificuldades desde a crise de 2008. Conforme relatório divulgado nesta quinta-feira (8/1) pela agência de classificação de risco, o óleo mais barato enfraquece a possibilidade de reajuste da gasolina pela Petrobras e, consequentemente, prejudica a competitividade e a demanda por combustíveis alternativos, como o etanol. Para a Fitch, os preços da gasolina na bomba não devem subir no curto prazo no Brasil, até porque estão abaixo daqueles observados no mercado internacional. (mais…) | LEIA MAIS

  • 7 jan

    União investiu 67,5% dos recursos autorizados para o transporte em 2014, segundo a CNT

    Dados compilados pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) apontam que, entre janeiro e novembro de 2014, a União investiu 67,5% dos recursos previstos para o setor de transportes em 2014. Foram aplicados R$ 12,1 bilhões dos R$ 18 bi autorizados pelo governo federal. Os dados estão disponíveis no Boletim Econômico divulgado pela entidade em dezembro. Do total pago, R$ 7,5 bi correspondem a restos a pagar, valores autorizados em anos anteriores que foram efetivamente liberados somente em 2014. (mais…) | LEIA MAIS

  • 6 jan

    Desvalorização do real compensará queda dos preços dos grãos

    A desvalorização do real frente ao dólar compensará a queda dos preços internacionais dos grãos para os produtores brasileiros, segundo indicou nesta segunda-feira um estudo divulgado em São Paulo. O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da USP apontou que o efeito do câmbio na contabilidade do produtor deve ser relativizado porque as vendas antecipadas estão menores do que em anos anteriores. Por isso, eles devem conseguir aproveitar o bom momento da moeda americana. (mais…) | LEIA MAIS

  • 5 jan

    Paraná espera que Nordeste se firme como mercado para o trigo em 2015

    O Paraná quer voltar a ter em 2015 os moinhos do Nordeste como consumidores do trigo produzido no Estado. A opção de escoamento para a região – inédita, pois a indústria local é importadora do grão e da safra nacional compra apenas o trigo gaúcho, usado na mistura com o cereal da Argentina e dos Estados Unidos – surgiu no ano passado com os leilões de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro). A oferta do subsídio estimulou a demanda e os moinhos nordestinos puderam testar o trigo paranaense, consumido na quase totalidade pela indústria do Sudeste e do próprio Paraná. (mais…) | LEIA MAIS

  • 2 jan

    Entra em vigor nova especificação para extintores automotivos

    Desde a última quinta-feira (1), todos os veículos em circulação no país devem possuir um novo tipo de extintor, chamado de ABC. O equipamento é capaz de apagar incêndios de uma variedade maior de materiais. As medidas fazem parte da resolução 333 do Contran, o Conselho Nacional de Trânsito, de 6 de novembro de 2009. Até então, os veículos podiam ser equipados também com extintores do tipo BC, recomendado para materiais como líquidos inflamáveis e equipamentos elétricos. (mais…) | LEIA MAIS

  • 30 dez

    Indústria pode crescer mais do que o setor de serviços no PIB de 2015

    Diante da necessidade de ajustes, um crescimento econômico baixo já está dado em 2015, mas o desempenho da economia pode ter uma composição um pouco mais equilibrada pelo lado da oferta, algo não visto desde 2010. Embora essa percepção não seja consenso, um número considerável de instituições avalia que, no próximo ano, a indústria aumentará mais do que os serviços dentro do Produto Interno Bruto (PIB). (mais…) | LEIA MAIS

  • 29 dez

    Alta do dólar anima agricultor

    A disparada do dólar em relação ao real, que fechou em 16/12 cotado a R$ 2,74, o maior valor em mais de 9 anos, compensa a queda no mercado internacional dos preços em dólar dos bens exportados pelo País, a maior parte matérias primas. Isso melhora as expectativas para exportações a médio prazo, mas aumenta a pressão sobre a inflação em 2015. Entre dezembro de 2013 até ontem, a moeda americana se valorizou 11,3%, descontada a inflação, segundo os cálculos do economista Bruno Lavieri, da consultoria Tendências. (mais…) | LEIA MAIS

  • 26 dez

    EUA lideraram importações do agro brasileiro em novembro

    Os Estados Unidos foram o principal destino dos produtos exportados pelo agronegócio brasileiro no mês de novembro. A informação é do Ministério da Agricultura. As vendas para o país somaram US$ 479 milhões. Na segunda colocação do ranking aparece a China, com US$ 472 milhões, seguida por Países Baixos (US$ 392 milhões), Alemanha (US$ 277 milhões) e Hong Kong (US$ 255 milhões). No acumulado dos 11 primeiros meses do ano, a China foi o principal parceiro comercial do agronegócio brasileiro. (mais…) | LEIA MAIS

  • 24 dez

    Indústria é mais concentrada que agropecuária no Brasil

    Oito estados brasileiros concentram 70% da produção agropecuária, enquanto a indústria possui a mesma fatia em apenas seis, divulgou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, na pesquisa Contas Regionais do Brasil – 2012. Minas Gerais é o estado brasileiro com maior participação no valor adicionado ao Produto Interno Bruto pela agropecuária, com 15,2%, contra 11% de São Paulo, segundo colocado. Na terceira colocação em 2012, Mato Grosso elevou sua participação de 6,6% em 2002 para 10,4%. Com esse aumento, ultrapassou Rio Grande do Sul (10,1%), Paraná (10,15%) e Goiás (7,2%). (mais…) | LEIA MAIS